Série de ‘O Senhor dos Anéis’ pode ser a mais cara de sempre

A série vai retratar os acontecimentos antes de “O Senhor dos Anéis – O Regresso do Rei” e, segundo o The Hollywood Reporter, o contrato de aquisição dos direitos para esta nova série e etapa de ‘O Senhor dos Anéis’ inclui a realização de cinco temporadas e um spin-off.

Agora, a Reuters teve acesso a documentos sobre facturações e audiências da Amazon. A empresa liderada por Jeff Bezos, entre o final de 2013 e o começo de 2017, e relativamente programas de TV, Filmes e Séries do serviço de streaming Amazon Prime, conseguiu atrair mais de 26 milhões de espectadores.

A juntar a estes valores, que estavam muito bem guardados pela Amazon, estão também os valores que a Amazon pretende gastar com a adaptação de ‘O Senhor dos Anéis’ para o formato de série. Segundos os dados revelados pela Reuters, a obra de J.R.R. Tolkien não vai sair nada barata à gigante norte-americana: 500 milhões de dólares, cerca de 400 milhões de euros.

No fim do ano passado foi noticiado que a Amazon ia de facto criar uma série de “O Senhor dos Anéis”, no entanto foi dito que a empresa tinha pago 200 milhões de dólares pelos direitos da obra literária mas ao que parece foram gastos 250 milhões de dólares. Segundo a Reuters, somando os custos com a produção e marketing, as duas primeiras temporadas podem custar mais de 500 milhões de dólares. O valor é o triplo do que a Amazon pagou pelas duas primeiras temporadas de “The Man in the High Castle”. E esta produção pode tornar-se na mais cara da história das séries televisivas: “The Crown”, da Netflix, é detentora do título de série mais cara de sempre: foram gastos cerca de 130 milhões de dólares por temporada.

A série de “O Senhor dos Anéis” será produzida pela Amazon Studios em conjunto com a Tolkien Estate and Trust, a editora HarperCollins e a New Line Cinema, divisão da Warner Bros. que realizou todos os filmes da franquia.

Por fim, ainda não há nenhuma data de estreia desta nova série.

Se quiseres ajudar a Comunidade Cultura e Arte, para que seja um projecto profissional e de referência, podes apoiar aqui.

Exit mobile version