Depois de “The Lighthouse”, Robert Eggers já está a fazer um novo filme

Robert Eggers é um dos jovens realizadores do cinema pós-terror com mais projecção internacional, isto mesmo tendo só feito duas longas-metragens. Depois de realizar “The VVitch: A New-England Folktale”, em 2015, e de ter feito “The Lighthouse”, filme que tem estreia marcada para o Lisbon & Estoril Film Festival, e que depois deverá estrear nos cinemas portugueses, o cineasta norte-americano vai agora fazer “The Northman”.

Este novo projecto de Robert Eggers terá um elenco composto por vários nomes sonantes, tais como: Nicole Kidman, Alexander Skarsgard, Anya Taylor-Joy, Bill Skarsgard e Willem Dafoe.

Robert Eggers / Fotografia de Larry Busacca

“The Northman” terá como pano de fundo o século X, na Islândia, e contará uma saga de vingança do povo viking. O argumento será assinado pelo próprio Eggers e pelo poeta e novelista islandês Sjón. A produção ficará nas mãos de Lars Knudsen, que também esteve por trás de filmes como “Hereditary” (2018) ou “Midsommar” (2019), ambos realizados por Ari Aster.

Ainda relativamente ao filme “The Lighthouse”, e em entrevista à revista Interviewos actores Robert Pattinson e Willem Dafoe, revelaram que o clima no set do filme era tão “duro” que ambos “dificilmente falavam fora das cenas”. Na verdade, as coisas eram tão tensas que Pattinson afirmou que esteve perto, pela primeira vez, “de dar um soco a um realizador”. Este acrescenta que “Por mais que eu goste do Robert [Eggers], houve um momento em que fiz cinco caminhadas pela praia, e depois de um tempo fiquei tipo – O que é isto? Sinto-me como se estivesses apenas a borrifar uma mangueira de incêndio na minha cara. E de fato estava: Estou a borrifar uma mangueira de incêndio na tua cara. Era uma espécie de tortura. Isso definitivamente cria uma energia interessante”., acrescentou Pattinson.

Se quiseres ajudar a Comunidade Cultura e Arte, para que seja um projecto profissional e de referência, podes apoiar aqui.

Exit mobile version