Criador de ‘The End of the F***ing World’ explica fim da série e volta a falar numa 2ª temporada

‘The End of the F***ing World’ é uma série de televisão britânica que tem como base o absurdo e o humor negro e é um sucesso mundial depois da sua exibição na Netflix.

O criador desta aventura de 8 episódios, entre 18 a 25 minutos cada, é Jonathan Entwistle e a história é baseada na banda desenhada ‘The End of the Fucking World’ de Charles S. Forsman.

Agora, em entrevista ao Collider, Entwistle revelou que a cena final é muito semelhante à original da banda desenhada, no entanto, há um detalhe, que foi ocultado, e que deixa em aberto uma continuação da série.

“Para aqueles que já leram as bandas desenhas, elas terminam de forma bem definitiva. E de facto há um prólogo que nunca chegámos a filmar ou a escrever, e que termina com a ambiguidade se é que isso faz sentido. Acho que queríamos a oportunidade de poder continuar a história e quando começámos a escrever a série, há quatro anos, a Netflix não existia da mesma forma que existe hoje. Quando estávamos a organizar o enredo tivemos muito em conta a banda desenhada e fez sentido terminar daquela forma.”

Este prólogo, de que Entwistle falou ao Collider, mostra Alyssa sozinha e sentada no seu quarto depois da cena final da primeira temporada (a cena de tiros na praia), onde a personagem interpretada por Jessica Barden usa um prego para gravar o nome de James, personagem interpretada por Alex Lawther, no próprio braço. O acto deixa bem claro que o jovem teve de facto um fim trágico e irreversível, mas a ausência desta parte deixa em aberto a possibilidade de uma possível continuação.

No fim das contas, nós achámos que aquela era uma boa forma de deixar as coisas em aberto“, disse Entwistle. “O que é realmente interessante para mim é saber que li comentários incríveis de pessoas que questionam o que aconteceu com Alyssa. Este é o ponto chave para mim, ela estar no centro da história. Mesmo que de alguma forma a história se tenha iniciado com James, a história é muito sobre Alyssa e como ela vai desvendando os segredos. Essa série é sobre Alyssa tentar encontrar o pai, basicamente. E eu acho que a história dela fica mais em aberto no final. O mais ambíguo mesmo é o que acontece com Alyssa.

Apesar de ‘The End of the F***ing World’ não ter oficialmente agendada uma segunda temporada o criador Jonathan Entwistle acha interessante haver uma continuidade: “Acho que é uma conversa interessante, e é uma conversa que estamos a ter a longo prazo desde que a série acabou. Eu recebo literalmente milhares de mensagens por dia nas redes sociais com questões sobre uma segunda temporada.

Se quiseres ajudar a Comunidade Cultura e Arte, para que seja um projecto profissional e de referência, podes apoiar aqui.

Exit mobile version