O ex-dirigente soviético, Mikhail Gorbachov, advertiu hoje que o mundo está a "aproximar-se perigosamente da zona vermelha", numa referência ao exacerbar das tensões entre Moscovo e Washington com a Síria como pano de fundo. "