É sempre bom ver artistas de que gostamos a ter reconhecimento. É também especialmente comovente quando tais artistas são portugueses, o que inevitavelmente, por muito que tentemos disfarçar, desperta um certo orgulho nacional pelo que de bom aqui é feito. Ora, ver Luís Severo