Numa conferência de imprensa em Nova Iorque, destinada a promover o seu mais recente filme "Silence", Martin Scorsese expressou o seu desagrado com o estado atual do panorama do cinema. "Existe uma saturação no nosso mundo e praticamente nada tem um signi