Toda a música é emocional. Seja por comocionar o ouvinte ou por em si expressar os sentimentos do seu compositor. Mas nos anos 80 e 90 começou a categorizar-se com esse atributo – emocional, ou emo – às bandas de rock e hardcore cujas letras contivessem carácter confessional. É uma carater