Tendo já deixado a sua assinatura no rock do início desta década, os Japandroids não teriam que provar o que quer que fosse. Post-Nothing (2009) e Celebration Roc