Novos equipamentos, novas tecnologias e novas abordagens permitiram caracterizar, manipular e construir caixas de fósforos com capacidade quase infinita de armazenamento de informação. Em 1959, um cientista, célebre na altura e ainda hoje, chamado Richard Feynman proferiu uma