Não existe uma altura certa para todas as coisas, um limite escrito em pedra para o que queremos ou podemos fazer. Um dia sonhei que, por esta altura, estaria num sítio diferente. Um dia pensei, também, que não importa, sequer, se o fazemos ou não. Tinha 24 ou 25 anos quando escrevi que a me

Uma conversa sobre jornalistas e a propósito de um livro sobre jornalismo. O resultado, no entanto – e acreditamos nós –, interessará a todos . Gonçalo Pereira Rosa lançou recentemente “O Inspetor da PIDE Que Morreu Duas Vezes – e outras gaffes, tri

Uma exposição com dezenas de “Livros Proibidos na Ditadura de Salazar” abre no dia 25 de Abril (3ªfeira), às 15h30, no Fórum Cultural de Ermesinde, Valongo. Evocando o aparelho censório da ditadura de Salazar e Cae

O título foi roubado do editorial do The New York Times, “Hungary’s Assault on Freedom” publicado na edição online do jornal no último dia 7. Mas é de longe a melhor forma de descrever o que desde há algum tempo vem acontecendo na Hungria. Um verdadeiro assalto à liberdade, orquestrado

Impetuosidade, fulgurância e um constante deslumbramento são conceitos que marcam a obra de Henry Miller (1891-1980). O autor norte-americano apelou à autenticidade e à genuinidade da produção literária e criticou quem falhou a estes princípios, atribuindo-lhes um outro esta

Audrey Azoulay, Ministra da Cultura da França, foi a responsável pela formulação do relatório que permitiu a aprovação deste novo decreto. No ano de 2015 foram avaliados 700 filmes, pela Comissão Nacional do Cinema, sendo que 53 foram proibidos