As histórias de “Pedro e Inês” chegam ao cinema pela mão do realizador conimbricense António Ferreira. A adaptação da obra “A Trança de Inês” da romancista Rosa Lobato Faria na qual este filme se inspira, foca-se em Pedro, um indivíduo internado num hospital psiquiátrico por viajar