Um homem e a sua cidade. Na vida, como tantas vezes na arte, os dois se confundem: Manoel de Oliveira e o Porto; a Nova Iorque de Woody Allen; Fiódor Dostoiévski e São Petersburgo; Federico Fellini e Roma. Todos os artistas têm a sua musa. A devoção e dedicação a uma só causa, a uma só