Terminada a edição 2017 do Festival de Cinema de Cannes é altura de olhar para os vencedores e também para os filmes que já têm estreia assegurada em Portugal. Na lista, estão os vencedores das principais categorias do festival, bem como outros trabalhos que, de uma forma o

Cai o pano sobre Cannes 70. E o que tivemos nesta edição que ficou muito aquém do luxo do ano passado. Até porque os mestres ficaram muito aquém. A coisa resumida fica assim: Ruben Ostlund leva para a Suécia a Palma de Ouro pelo sensacional The

Robert Pattinson e Diane Kruger candidatos às melhores interpretações. Pedro Pinho vence prémio Fipresci, na Quinzena dos Realizadores, com A Fábrica de Nada. A competição para a Palma de Ouro acabou em ritmo de drama psicológico com o violento e disperso

No seguimento da sua estreia mundial na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes, A Fábrica de Nada, de Pedro Pinho, foi galardoada pela Federação Internacional de Críticos de Cinema com o conceituado Prémio FIPRESCI. O Júri FIPRESCI de Cannes atribui três prémios: dois na Selecç

United States of Love apesar do nome, não se trata de um filme sobre o amor. Pelo contrário, é um filme sobre a falta dele. A falta de carinho e sentimentos que acabam por se transformar num círculo vicioso de libertação sexual que se arrasta indefinidamente. Polónia, 1990, a que

Quatro dias depois do ataque terrorista em Manchester, Cannes recebe um abalo semelhante com o filme do turco Fatih Akin, In the Fade. As consequências foram perturbadoras, mas há quem defenda a Palma de Ouro, bem como quem demonize o filme. Agitam-se as águas em Cannes, poucas h

Na 56ª edição da Semana da Crítica, em Cannes, cinco filmes, de diversos países, foram premiados. Entre eles, o maior vencedor da semana, Makala, o drama francês realizado por Emmanuel Gras. O filme conta a história do congolês

Numa altura em que faltam já poucos filmes da seleção oficial para a Palma de Ouro, cresce a interrogação sobre os potenciais candidatos e o desejo de encontrar algum que nos possa encher as medidas. Algo que ainda não sucedeu. Isto apesar da bomba dos manos Benny e Josh Safdie com o título s

Estreia-se hoje na Quinzena dos Realizadores, em Cannes, o último filme de Pedro Pinho. Entre a ficção, o musical e o documentário, um quase-ensaio sobre  que lugar deve ocupar  o trabalho. A partir da história de uma fábrica que pode até ser ficção  mas tem tudo de realidade.

Com o Festival de Cannes a decorrer, a Leopardo Filmes anuncia a distribuição em Portugal de mais dois títulos da Competição: Hikari, de Naomi Kawase e L’Amant Double, de Fran