Vendida como escrava sexual a um combatente do Estado Islâmico, Farida prometeu suicidar-se antes que lhe tocassem. Tocaram e ela tentou matar-se quatro vezes. Sobreviveu, fugiu e na segunda congelou o Estoril. Farida Khalaf não é o nome verdadeiro da mulher que na segunda-fei