Assassinato à bomba da jornalista e blogger que liderava as investigações aos Panama Papers no país está por explicar. FBI e especialistas holandeses participam nas investigações e a Europol pode juntar-se na procura dos homicidas. Governo maltês está a oferecer um milhão de euros