Foi na “bota” da Europa que alguns dos melhores artistas de todos os tempos emergiram, tais como os renascentistas Leonardo da Vinci, Michelangelo ou Rafael Sanzio. Séculos volvidos, a tendência para a produção artística de grande valor prevaleceu e a Itál

Podemos ver dezenas, centenas de filmes nos diversos ecrãs de que dispomos. Mas ir ao cinema é outra coisa. Como ir ao teatro, à ópera, a concertos ou a qualquer espetáculo. A sociedade do facilitismo está a destruir simbolismos essenciais que têm a ver com o fruir do tempo

Vou ao cinema desde os meus 10 anos (relativamente tarde). Lembro-me como se fosse hoje do “Romeo + Juliet”, realizado por Baz Luhrmann, o mesmo que viria a realizar "The Great Gatsby" ou "Moulin Rouge!", e de um então jovem

Flatulência e arte não são termos que, à primeira vista, encontrem uso ou inspiração um no outro. A flatulência, também conhecida como flato ou o termo mais coloquial “peido” ou o mais amável, “pum” - junto com outros como bufa ou traque - apesar de gozar de uma presença universal

A sétima arte prepara-se para receber a segunda vida de uma das heroínas mais queridas do mundo dos videojogos com Tomb Raider (2018) e enquanto não é possível retirar o suficiente do trailer lançado recentemente, a história destas adaptações não nos deixa rec

Estreou ontem em Portugal o novo thriller de Darren Aronofsky, Mother!. O realizador diz ver na génese do filme uma crítica à humanidade que alimenta todos os dias o aquecimento global a nível mundial. O público encontra também no filme uma crítica à paixã

Há filmes que servem para aquilo que The Hitman's Bodyguard serve: puro entretenimento descomprometido de Verão. Ainda assim, dentro desse leque de filmes, há formas e formas de fazer cinema de entretenimento descomprometido, e não nos parece que a sazonalidade seja desculpa suf

Eduardo Lourenço reflectiu acerca dos mitos e ficções do imaginário nacional, afirmando que a identidade – ou especificidade – portuguesa se consolidou muito através de uma obsessão pelo passado que almejava perpetuar uma utopia do «termos sido», isto é, o que poderíamos ter s

Nos próximo mês de Setembro vamos ter alguns filmes a tomar em conta e por isso mesmo decidimos fazer uma pequena selecção das obras que para nós são as mais interessantes. Aqui fica a lista: 7 de Setembro Logan Lucky, realizado por Stev

Depois de uma belíssima celebração dos 10 anos de Motelx, Festival Internacional de Cinema de Terror de Lisboa, que, em 2016, viu D. Sebastião desembarcar em Lisboa numa noite de nevoeiro para trazer filmes como Don’t Breathe, The Wailing ou o Holocausto Canibal de Rug