Há exatamente 50 anos, Ernesto “Che” Guevara era executado na Bolívia e promovido a mártir da revolução marxista e socialista latino-americana. Figura do guerrilheiro romântico, idealista, anti-imperialista e ícone da esquerda libertária, espoletou a devoção e o desprezo de mil