Após a vitória das curtas-metragens "Rafa" (2012), de João Salaviza, e "Balada de um Batráquio" (2016), de Leonor Teles, nova curta volta a arrecadar um Urso de Ouro no Festival Internacional de Cinema de Berlim 

Quatro curtas-metragens, de João Salaviza, Diogo Costa Amarante, Salomé Lamas e Gabriel Abrantes, que atestam "a extraordinária diversidade do cinema português", foram seleccionadas para a competição do festival de Berlim, em fevereiro, foi hoje anunciado.