A Antígona acaba de reeditar “Uma Faca nos Dentes”, reunião da obra de Forte, uma obra breve mas de um fulgor exemplar, que continua a defender-se “à dentada da vida proletária, aristocrática, burguesa”, como continua a dizer-nos que talvez se escreva hoje demais para fugir à e