Foi o ano passado, com HOPELESSNESS, que assistimos à partida de ANOHNI do som suave e orquestral a que nos habituara com Antony and the Johnsons. Fê-lo através da introdução de elementos de eletrónica, que tornaram o seu som acessível a um p