A ligação entre doenças cardíacas e colesterol no sangue é um dogma médico dominante desde os últimos 50 anos. Tal facto levou ao desenvolvimento na indústria alimentar de produtos com "baixo teor de gordura", com os quais aufere lucros de biliões de dólares. A aliar a isto, as estatinas,