‘Sonhos Cor-de-Rosa’ abre Festa do Cinema Italiano e chega às salas de cinema portuguesas

3 ABRIL, 2017 -

O filme ‘Fai bei sogni‘, ou em português ‘Sonhos Cor-de-Rosa‘, do realizador italiano Marco Bellocchio, inspirado no fenómeno internacional Tem Bons Sonhos de Massimo Gramellini, editado em Portugal pela Bertrand Editora, é filme de abertura da 10ª edição da Festa do Cinema Italiano que arranca na quarta-feira em todo o país e tem estreia nas salas de cinema nacionais na quinta-feira.

Turim, 1969. A infância idílica de Massimo, um menino de 9 anos, é pulverizada pela misteriosa morte da mãe. O rapaz recusa-se a aceitar a brutal perda, ainda que o padre lhe diga que a mãe está no Céu. Anos mais tarde, na década de 90, o Massimo adulto é um jornalista bem-sucedido. Depois de uma reportagem sobre a guerra em Sarajevo, começa a ter ataques de pânico. Quando começa a tratar da venda da casa dos pais, Massimo é obrigado a regressar ao seu passado traumático. Mas a compreensiva Dra. Elisa ajuda o Massimo a abrir-se e a confrontar as suas feridas de infância…

Recebido com grande entusiasmo na Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes, ‘Sonhos Cor-de-Rosa‘ explora o luto e o medo de viver num drama elegante e contido interpretado por Valerio Mastandrea e Bérénice Béjo e realizado pelo consagrado Marco Bellocchio.

Um livro e um filme a descobrir nas livrarias com edição Bertrand Editora e nos cinemas a partir de 6 de Abril.

Comentários

Artigos que poderão ser do teu interesse

ARTIGOS RELACIONADOS

A Comunidade de Cultura e Arte esteve presente na

A Festa do Cinema Italiano está marcada para abril e pela primeira vez vai acontecer em simultâne

Como é hábito, após dar início em Lisboa onde esteve presente entre 30 de Março

“Cinema-verdade? Prefiro o cinema-mentira. A mentira é