Scout de ‘Narcos’ morre no trabalho

16 SETEMBRO, 2017 -

Um location scout (produtor de localização, traduzido livremente) da série de sucesso da Netflix Narcos foi encontrado morto pela polícia mexicana. Carlos Muñoz Portal foi alvejado várias vezes enquanto explorava algumas possíveis localizações para a próxima temporada da série, que nesta última temporada conta com o português PêPê Rapazote num dos seus papéis principais. O produtor, que trabalhava para a companhia de produção de Stacy Perskie tem alguns nomes de peso no seu currículo, como Sicario, Spectre, a saga Fast & Furious e Apocalypto.

A Netflix lançou o seguinte comunicado: «Estamos conscientes da morte de Carlos Muñoz Portal, um respeitado produtor, e enviamos as nossas condulências à sua família. Os factos que rodeiam a sua morte ainda são incertos enquanto as autoridades prosseguem as suas investigações».

Alguns jornalistas e antigos colegas de trabalho publicaram fotografias do produtor em anexo às suas mensagens de despedida.

O corpo de Carlos Muñoz Portal, de 37 anos, foi encontrado dentro do seu carro numa zona rural na cidade de Temascalapa, na que é uma das zonas mais violentas do país. Oficiais mexicanos estão a ter dificuldades em investigar o caso devido à falta de testemunhas, revelam vários meios de comunicação.

Comentários

Artigos que poderão ser do teu interesse

ARTIGOS RELACIONADOS