Marcha pelo Fim da Violência contra as Mulheres

24 NOVEMBRO, 2016 -

Coimbra, Covilhã, Lisboa e Porto vão marchar amanhã, 25, pelo fim da violência nas mulheres. A iniciativa, que pretende dar voz ao sexo feminino e combater os abusos a que este é alvo, e é promovida por várias associações, como a UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta; Associação Portuguesa de Apoio à Vítima – APAV e a Associação Mulheres sem Fronteiras. Várias são as atividades que vão decorrer ao longo da marcha como performances teatrais, dança, distribuição do manifesto, flyers, entre outros.

A iniciativa está integrada nos 16 dias de ativismo mundial que se realizam de 25 de Novembro a 10 de Dezembro e na campanha de sensibilização contra a violência contra as mulheres criada pela a Secretária de Estado. Esta campanha está a decorrer em todos os distritos do país até sábado, 26 de Novembro.

Os casos de violência não param de crescer e afetam a vida das mulheres de muitas formas diferentes: nas relações íntimas; no contexto de trabalho; por parte do estado; no espaço público;  na heteronormatividade que discrimina a livre expressão sexual e de género e na imposição de um modelo normativo de mulher-mãe e cuidadora, como se lê no manifesto da marcha. “Todos nós podemos juntarmos para combater a violência. Nós esquecemo-nos do factor de união e de comunidade. Se cada vez mais promovermos isso acabamos por ter mais força e mudar muita coisa”, revela Micaela Silva da UMAR Coimbra.

A escolha deste data é baseada em antecedentes históricos. No dia 25 de novembro de 1960, as três irmãs Mirabal foram brutalmente assassinadas na República Dominicana, pela ditadura fascista de Rafael Leónidas Trujillo, por serem mulheres e revolucionárias. Este acontecimento é desde então assinalado por todo o mundo. Em 1999, A ONU decretou esta data como o Dia Internacional para a Erradicação da Violência Contra as Mulheres

Informações do local e hora do inicio da marcha nos vários pontos do país:
25 Novembro – 15h – Coimbra – Marcha pelo Fim das Violências Machistas
25 Novembro – 11h – Covilhã – Marcha Contra a Violência
25 Novembro – 18h – Lisboa – Marcha pelo Fim da Violência Contra as Mulheres 2016
26 Novembro – 15h – Porto – 6ª Marcha Contra a Violência Doméstica e de Género

Texto de Liliana Pedro
Fotografia: Marcha Pelo Fim da Violência Contra as Mulheres de 2015, em Lisboa, por Luís Barra.

Comentários

Artigos que poderão ser do teu interesse

ARTIGOS RELACIONADOS