‘Lemonade’, de Beyoncé, estreia este domingo em Portugal

16 JUNHO, 2016 -

Lemonade (2016), de Beyoncé Knowles, Dikayl Rimmasch e Jonas Åkerlund, é o acontecimento do ano em televisão. Beyoncé mais uma vez surpreendeu o mundo com a afirmação do seu talento e da sua capacidade de renovação como ‘a’ megaestrela de topo da música pop e do meio artístico em todo o planeta. Para apresentar o seu novo álbum Lemonade, o sexto, que mais uma vez chegou ao primeiro lugar de vendas, Beyoncé estreou um filme com o mesmo nome na HBO. É esse poderoso álbum visual que chega agora aos Canais TVCine & Séries, Lemonade, com grande estreia marcada para 19 de junho, domingo, às 21h30, no TVCine 3. Família, política, traição, Beyoncé fala abertamente de várias questões, sem reservas, frontal e incisiva, como sempre nos habituou, no caminho que a levou ao topo do mundo.

Beyoncé mais uma vez surpreendeu o mundo com o lançamento inesperado do seu sexto álbum, Lemonade, desta vez acompanhado por um filme de uma hora que é uma viagem visual pelas novas canções. A megaestrela pop constrói e descreve a sua caminhada pessoal nos últimos anos, falando da família, de política e da alegada traição do marido Jay Z, sempre deslumbrante com vestidos e maquilhagens de cortar a respiração.

Lemonade_3

Lemonade está dividido em 11 segmentos, Intuition, Denial, Anger, Apathy, Emptiness, Accountability, Reformation, Forgiveness, Resurrection, Hope e Redemption, 11 etapas da sua vida, em que Beyoncé começa por abordar as suas suspeitas e a raiva que sentiu quando se transformaram em quase certezas (épica a cena em que Beyoncé destrói carros com um taco de basebol num esvoaçante vestido amarelo ou quando incendeia uma casa com a maior das tranquilidades). A cantora recorda que o pai a tinha avisado para o perigo que era envolver-se com homems como Jay Z (imagens de arquivo de Beyoncé enquanto criança e do pai Mathew), mas Queen B compreende finalmente que ele é o amor da sua vida e não há nada a fazer. Aparecem então imagens de Jay Z e da filha de ambos, Blue Ivy, bem como do casamento do casal mais poderoso do mundo da música. É esta a jornada sentimental de Beyoncé, em que no final aparece, mais uma vez, como vencedora.

Lemonade vai buscar ao título a duas inspirações da cantora, a sua avó maternal, Agnez Dereon, que nasceu no Louisiana, e Hattie, a avó de Jay Z. Ambas lutaram pelos seus direitos e fizeram da vida o melhor que puderam e conseguiram. Ou seja, se a vida lhes deu limões, elas fizeram limonada.
Em Lemonade Beyoncé afirma também uma posição política, citando Malcom X: ‘A pessoa mais desrespeitada na América é a mulher negra. A pessoa mais desprotegida na América é a mulher negra. A pessoa mais negligenciada na América é a mulher negra’. Beyoncé refere-se ao importante movimento nos Estados Unidos dos Black Lives Matter, ela que cantou na tomada de posse do Presidente Barack Obama.

Participam no filme através de depoimentos mulheres negras que conseguiram vencer em vários quadrantes da sociedade: a tenista Serena Williams, a atriz Halle Berry, a cantora Zendaya, a bailarina Michaela DePrince ou a modelo Winnie Harlow.

Lemonade, o poderoso álbum visual de Beyoncé, uma grande estreia marcada para 19 de junho, domingo, às 21h30, no TVCine 3.

Comentários

Artigos que poderão ser do teu interesse

ARTIGOS RELACIONADOS