‘It’ pode ultrapassar ‘O Exorcista’ como o filme de terror mais rentável da história

20 SETEMBRO, 2017 -

O clássico de terror reimaginado para a era moderna It tem agradado ambos fãs e críticos, sendo opinião quase unânime de que se trata de um clássico instantâneo do género, e um dos filmes que cativa muito mais do que apenas os aficionados do terror. Ora, esta reinterpretação do clássico de Stephen King (que teve a sua primeira adaptação em vídeo no ano de 1990, através de uma mini série) pode ter chegado na melhor altura possível.

O cinema de terror vive hoje talvez a sua melhor fase desta última década, uma de grandes ideias originais que encantam ao primeiro encontro (como é o caso de Get Out, o excelente filme de estreia de Jordan Peele na cadeira de realizador), a continuação de grandes sagas do género (Jigsaw, o 8º filme do franchise Saw, chega aos cinemas a 20 de outubro, mesmo a tempo do Halloween) ou os remakes de alguns dos maiores clássicos do cinema de terror, categoria onde It se insere.

Não se pode acreditar todo o sucesso de It a fatores externos à qualidade intrínseca do filme, mas as estrelas pareceram alinhar-se para fazer desta readaptação da história contada em formato de mini série em 1990 um sucesso: para além do momentum que o cinema de terror tem vindo a ganhar, vivemos uma altura de revivalismos dentro do género. Séries como Stranger Things, que cativaram milhões de pessoas e as introduziram ao género do thriller de terror, ou filmes como I Am Not a Serial Killer, que correu todos os festivais de série A, ganhando vários prémios em todos os sítios onde passou, impulsionaram a cultura revivalista do terror simples, mas macabro dos anos 80. It consegue riscar todas as caixas; trata-se de um filme escrito pelo mais conhecido escritor de contos de terror do mundo, Stephen King, é uma readaptação de um filme clássico do género, e tanto na forma como na substância faz reviver e relembrar o público do auge do terror, há várias décadas atrás. Não virá como surpresa para ninguém que este filme esteja prestes a tornar-se no novo Rei do cinema de terror mundial.

Numa análise feita pelo The Wrap, adivinha-se um destronar d’O Exorcista do topo da tabela dos filmes de terror mais rentáveis da história. Tendo já ultrapassado o prévio segundo lugar da lista (Get Out, de Jordan Peele, referido acima), It estabeleceu esta terça feira (data em que os dados foram analisados) um retorno total de 228.4 milhões de dólares, e espera-se que esse valor dispare para entre os 265 e os 270 milhões após o próximo fim de semana.

Se estes valores se vierem a confirmar, It ultrapassará os 232.9 milhões que garantem ao Exorcista o lugar cimeiro da tabela.  Convém também referir que estes quase 240 milhões que falamos são referentes a três passagens diferentes pelos ecrãs dos cinemas mundiais: a passagem original em 1973, que rendeu 193 milhões de dólares, e as consecutivas versões de realizador de 2000 e 2010 que angariaram mais 39.9 milhões.

Refere também o The Wrap que sendo O Exorcista (ainda) o filme mais rentável de sempre do género, alguns ‘híbridos’ superam esta marca, como por exemplo o thriller/terror O Sexto Sentido, de M. Night Shyamalan (2001) que rendeu à produtora 293 milhões de dólares.

É de apontar que O Exorcista continua a ser, até aos dias de hoje, o único filme de terror da história a ser nomeado para o Óscar de Melhor Filme.

Espera-se que It seja também o quarto filme para maiores de 18 da história a quebrar a barreira dos 300 milhões, juntando-se assim a A Paixão de Cristo, Deadpool e American Sniper.

Podes ver aqui o trailer alargado de It:

Comentários

Artigos que poderão ser do teu interesse

ARTIGOS RELACIONADOS

Filme escolhido para a sessão de encerramento do Motelx 2017, It, realiz

Com honras de antestreia em sessão de encerramento no MotelX deste ano e estreia