Doze mulheres incontornáveis na cinematografia mundial

26 SETEMBRO, 2016 -

Um novo ensaio visual de Jacob T. Sweeney, publicado pela Fandor, compila uma lista de doze mulheres incontornáveis na cinematografia mundial. 

Os debates relativos à diversidade em Hollywood não são novidade, especialmente a representação de género. Apesar do progresso noutras áreas, a Cinematografia mantém-se ainda hoje uma das áreas quase exclusiva dos homens. Em 2015, as mulheres ocuparam 6% dos postos nos 250 filmes mais rentáveis do ano. A cinematografia continua a ser a única categoria nos Óscares sem nomeações femininas.

Rachel Morrison, responsável pela cinematografia em Fruitvale Station (2013) e Cake (2015), com sete filmes em Sundance e um Grand Jury Prize, ressalva numa entrevista que homens com prémios semelhantes aos seus eram alvos da atenção do mercado, recebiam uma chamada e eram catapultados para oportunidades de maior dimensão, mas ela não. As mulheres tinham uma ascensão mais lenta, podiam chegar ao circuito comercial mas regra geral tinham que mostrar mais trabalho, até lhes ser investida confiança.

Este ensaio de 4 minutos mostra-nos excertos de vários filmes de baixo orçamento, como The Skeleton Twins (2013), Dope (2015) ou Kill Your Darlings (2013). O ensaio de Jacob T. Sweeney também dá destaque a projectos de maior financiamento como o recente Creed (2015), com cinematografia de Maryse Alberti, ou ainda The Neon Demon (2016), que tem Natasha Braier a chefiar a fotografia do mais recente filme de Nicolas Winding Refn.

Face a esta desigualdade que, lentamente, se tenta erradicar, é necessário não esquecer os nomes destas mulheres e o seu trabalho na indústria. A cinematografia por parte de mulheres carece pela falta de reconhecimento e não pela sua qualidade, como se pode observar neste ensaio, visualmente espectacular.

Comentários

Artigos que poderão ser do teu interesse

ARTIGOS RELACIONADOS

A composição visual é uma parte muito importante de qualquer arte, as suas regras têm grande in

Christopher Nolan já está a rodar o seu novo filme, Dunkirk

A cinematografia é um dos elementos mais importantes de um filme. Tão ou mais importante do que o

O clamado Werner Herzog tem sempre coisas novas para oferecer ao mundo. Recentemen