Após o realizador Francis Whately produzir “David Bowie: Five Years” em 2013, o mesmo volta à exploração da vida e obra do artista David Bowie. Desta feita, e com a tutela da HBO, será “David Bowie: The Last Five Years” a entrar pelo pequeno ecrã. Este projeto acaba por

Wes Anderson é um dos cineastas mais célebres do presente século. Desde 1996, foram vários os filmes realizados e lançados, de diferentes temáticas e, por si só, com diferentes complementos musicais. Assim, e para além da estética visual peculiar e das subtis e pausadas performances dos seu

The Cranberries atuarão dia 3 de Agosto na Expofacic (Feira Agrícola Comercial e Industrial de Cantanhede) em Cantanhede. A banda Irlandesa, muito conhecida pelo seu sucesso “Zombie”, lançou o seu último álbum Roses em 2012 e continua na estrada passando por Cantanhede durante uma tour que

Boris Vian fez de tudo um pouco: escreveu (com um pseudónimo e sem ele), cantou, representou, tocou, concebeu, criou, criticou. Em suma, foi a aceção plena e concretizada daquilo que é um artista multifacetado. A arte consagrou-se neste gaulês de uma forma completa e robusta e conheceu uma harm

Foi em 2012 que assisti ao concerto de Bon Iver na arena do Campo Pequeno, com For Emma Forever Ago e a apresentação do álbum homónimo, depois de esgotados os espectáculos nos Coliseus de Lisboa e do Porto meses antes. Um concerto indie folk que se esperava intimista e que acabou por cimentar

Liquid Springs é o álbum de estreia da banda Ditch Days, um grupo musical português que já marcou presença em festivais nacionais como o Festins ou o Indie Music Fest e que apresenta agora o seu primeiro longa duração. Quando ouvi pela primeira vez o single “Melbourne” pensei mesmo que o

O nome de Nuno Rodrigues estará para sempre intimamente ligado aos The Glockenwise, banda portuguesa de garage rock que anda na luz da ribalta há já seis anos e da qual Nuno é o vocalista. Mas desde 2014 que o rapaz nos mostra que há mais a desvendar na sua mente em constante procura da [&helli

  A estranheza e a maravilha coabitam, de mão dada, polvilhadas de ideias vibrantes e extravagantes. São fruto de um talento em bruto que se expressa sob diferentes formas a cada oportunidade. E parecem viver numa floresta. Não é fácil descrever ‘Memories Are Now’, o quinto trabalho de

Priests são um quarteto norte-americano formado em 2011, que, até ao presente ano haviam lançado duas cassetes e um EP. Este último, Bodies and Control and Money and Power, despertou os críticos para as suas potencialidades, com um punk pop rápido, por vezes gritado. O seu primeiro LP, Nothing

Carlos Paredes foi uma das principais figuras na valorização e promoção da guitarra portuguesa, tanto dentro de portas, como para todo o mundo. Fazendo uso e encanto da sua guitarra portuguesa, foi através dos acordes e da poesia sonora que transcendeu os limites materiais e instrumentais e se