Durante cinco anos, Chet Faker fez as delícias do mundo com a sua música lounge e descontraída, um daqueles músicos com quem nos vemos a tomar uma cerveja com a sua música, perfeitamente adequada, a soar no fundo. O artista vagueia entre o downtempo, o R&B electrónico e a música ambiente

Son Lux volta este ano com uma proposta bastante envolvente, contemplando-nos com o seu novo EP; dois anos depois de lançar o sombrio álbum ‘Bones’, e nove após o deslumbrante ‘At War with Walls & Mazes’, um álbum que cria uma ligação intrínseca entre nuances do sombrio e a din

Música a Música, ou Song to Song, não é um filme sobre música, ela fica apenas no background como se tratasse de uma miragem decorativa. Desta vez, Malick escolhe o SXSW, o famoso festival de música em Austin, no Texas, para nos passear ao lado de algumas personalidades do meio, como Pa

Após a desilusão que foi Prometheus em 2012, a franquia Alien regressa com mais força, mas sem alcançar o seu potencial com Alien: Covenant. O realizador Ridley Scott, mais uma vez, tenta alcançar a glória e aquilo que tornou o primeiro Alien um filme de culto. Mas é apenas isso, uma tentativ

Esta é uma daquelas sagas que gostamos de seguir, os Moon Duo regressam três meses depois com “Occult Architecture Vol. 2”. A primeira parte deixou água na boca e elevou as expectativas. Com estes dois fascículos, lançados em 2017, a dupla de Portland atinge um nível alto nível de consist

Leslie Feist voltou este ano para nos agraciar com um novo álbum, seis anos após Metals e dez após o icónico The Reminder, que solidificou a sua presença a solo musicalmente (uma vez que dá também voz aos Broken Social Scene). Pleasure surge como um compêndio de canções que se apresentam m

Os Pond são um grupo australiano de rock psicadélico formado por Joseph Ryan, Jay Watson (um dos membros dos Tame Impala) e o frontman Nick Allbrook (que foi durante cinco anos o baixista dos Tame Impala nas actuações da banda). A ideia dos três amigos era criar um grupo de colaboração entre

É discutível até que ponto a Rússia alguma vez conseguirá regressar ao seu período literário áureo, presente desde a segunda metade do séc. XIX ao início do séc. XX, e embarcando nomes como Dostoiévski, Tólstoi ou Tchékhov. Nos dias de hoje o grande nome, unânime nos círculos dos cr

Big Little Lies foi provavelmente das maiores surpresas de 2017, até à data. Confessemos, ninguém depositava grandes esperanças num drama entre mães e donas de casa, desencadeado numa terra de ricos, com algumas caras (bastante) conhecidas do grande ecrã — possivelmente ali colocadas como c

Estes homens descendem das ruas, das periferias, onde consumiram o que as culturas suburbanas nova-iorquinas têm para oferecer: do grafitti ao hip hop, do punk ao hardcore. Formas de expressão que transcendem leis e políticas. A dupla, Yeti Bones e TheOGM não inventou nada que os Bad Brains, Dea