Brad Pitt: os apoiantes de Donald Trump ‘não têm tempo’ e ‘são as pessoas que mais sofrem’

19 SETEMBRO, 2016 -

No inicio do mês de Setembro o actor norte-americano Brad Pitt concedeu uma entrevista à T Magazine, revista do The New York Times, onde a campanha do candidato republicano Donald Trump à Casa Branca foi um dos temas desta peça.

Para Pitt o apoio de Donald Trump tem como base cidadãos norte-americanos que não têm tempo, nem paciência, para se manterem devidamente informados sobre o que realmente se passa a uma escala global. O actor justifica a sua opinião dizendo: “A maior parte dos norte-americanos não têm tempo para ver a CNN ou a Al Jazeera. Eles tentam pagar as rendas, alimentar os filhos, estão cansados, por isso quando chegam a casa querem esquecer tudo à sua volta”, e diz ainda“Infelizmente quando surge uma voz assim – mesmo que não tenha qualquer credibilidade – que afirma que está farta disto tudo, essa é a parte que toca no ADN”, reforçou Brad Pitt.

É de relembrar ainda que o seu amigo George Clooney referiu recentemente que a culpa do sucesso de Donald Trump era precisamente das televisões, dizendo: “Trump é na verdade em muitas formas o resultado do facto de muitos dos programas noticiosos não terem feito acompanhamento dos assuntos e nem colocarem as questões difíceis. Essa é a verdade”, dizendo ainda “Todos estes números dos canais de notícias por cabo. Vinte e quatro horas de notícias não significa ter mais notícias, significa apenas ter-se mais das mesmas notícias. As audiências sobem porque estes gajos podem mostrar um pódio vazio e dizer apenas que o Donald Trump está prestes a falar em lugar de aproveitarem esses 30 segundos para falarem dos refugiados”, afirmou George Clooney em Maio deste ano, em Cannes.

Para George Clooney as televisões contribuíram e muito para o sucesso de Donald Trump e tudo porque seguiram a lógica das audiências, limitaram-se a seguir os números.

Para Brad Pitt os apoiantes de Trump lutam praticamente contra tudo, sem terem bases sólidas: “Eu sou de Oklahoma, onde o votos são na sua maioria de Trump…eu tento entender a causa disso”, acrescentando ainda “Mas pelo que me parece, são as pessoas que mais sofrem, e mesmo assim tendem a votar em quem mais as irá prejudicar”, disse o actor.

Por fim, Brad Pitt questiona: “Às vezes tenho esperança, porque estamos a conhecer-nos por causa da globalização, mas de repente temos a reacção de alguém como Trump. Os apoiantes de Trump estão a lutar contra tudo isso. Dizem para recuperarmos o nosso país de volta, o que é que eles querem dizer com isso? Para onde é que foi o nosso país”.

fc9d2c37034509bc_brad-cover-_1_

Comentários

Artigos que poderão ser do teu interesse

ARTIGOS RELACIONADOS

Antes da estreia de By The Sea, em 2015, o novo e último filme de

O novo filme de Zemeckis, conhecido por “Forrest Gump“, “Back to the Fut

A revista People revelou hoje a primeira imagem do novo projecto do re

O drama biográfico conta a história do médico Perry Baird! Brad Pitt